sexta-feira, maio 06, 2011

Inspiração do processo de criação de Lavoura Arcaica

DESIRE, where are you?              ou
Oração do desejo de desejar


" O que eu quero?
Eu quero poder olhar para uma boca rosa
E desejá-la tanto a ponto de sentir o gosto
dos seus lábios vertendo mel.
E logo, quando eu olhar para o lado,
bem assim, distraída
Sentir as asas dos olhos, donos desses mesmos lábios,
fazendo dos meus figos também o seu alvo certo,
o seu pouso, o seu ninho.
E tão em breve, sábio tempo...( é um pedido)
Mordido será, o fruto sedento,
Em um beijo fecundo.
Desvirginando a nova Rainha.
Regando o pólen ainda em botão.
Despindo, pétala por pétala,
as frestas da futura paixão, com o néctar
das salivas que se alquimiam.
(Cremando a angústia de um olhar nublado,
sem destino, desfocado, miúpe, vulnerável, impotente,
solitário.)
As carnes das frutas delicadas vão dançando
horas de tensão e horas de leveza
Perfundo
Perfumando, fundo,
a nudez úmida dos olhos,
com o espectro de todas as cores infinitas
das flores mais exóticas, das florestas mais densas e intocáveis
Lançando estrelas ao universo da menina dos olhos!
Coroando-a com o brilho de um olhar ensolarado
ás vezes, também, chuvoso...
Genuíno.
Fértil.
Desabrochado."


Adriane Lopes.


Escrito dia 5 de maio de 2011 às 2h da manhã.